100 dias de governo. Mais ações, menos gastos.